20-09-2012 – Ladrão de carros preso

Por: Ruy Machado 20/09/2012

Ele seria um dos suspeitos de crimes na RO

O cumprimento de um mandado de prisão temporária expedido pela 1ª Vara Criminal de Niterói, pelo crime de roubo qualificado, de um homem identificado como Anthony da Silva Fernandes, 22 anos, apontado como integrante de uma quadrilha especializada em roubo de veículos, denominada “Bonde do Shumacher”, em  Niterói, pode ter dado início a uma série de prisões. Investigações da 81º DP (Itaipu) revelaram a participação de pelo menos mais quatro criminosos, oriundos de São Gonçalo, os quais estariam aproveitando a proximidade entre as duas cidades para cometerem roubos na Região Oceânica. O titular da DP, Gabriel Ferrando, acredita também que possa haver envolvimento do tráfico de drogas do Anaia, região de São Gonçalo, no aluguel de armamentos para esta quadrilha.

Segundo o Gabriel Ferrando, a prisão do acusado é um passo importante na investigação de roubos de veículo na região, já que, diversas informações foram obtidas com sua captura. O delegado ressaltou que os autores de roubos de veículos na Região Oceânica de Niterói, em sua imensa maioria, são oriundos da cidade de São Gonçalo.

“A prisão de hoje é só o início de uma série de operações direcionadas a tal município, visando desarticular quadrilhas especializadas em crimes do gênero”, disse.

A prisão do suspeito ocorreu em sua residência, nas proximidades da comunidade do Anaia, em São Gonçalo.

O titular ressaltou ainda que comprovada a participação de integrantes do tráfico na prática de roubos, seja no fornecimento de armas, seja na participação de lucros no crime, a tática adotada pela unidade policial será o indiciamento e o consequente pedido de prisão do Chefe da Organização criminosa responsável pela exploração do tráfico. “A partir da identificação da comunidade ao qual o criminoso preso encontra-se vinculado, havendo provas do favorecimento do tráfico com o fornecimento de armas e participação nos lucros, os responsáveis pelo tráfico serão indiciados e seus pedidos de prisão realizados, como forma de expandir a responsabilização pelos roubos praticados na circunscrição da 81ª DP”, contou.

Morte – Em abril deste ano, a morte do sargento Celso de Jesus durante um assalto a um posto de gasolina, no  Fonseca, apontou através de investigação da 78ª DP (Fonseca) que o tráfico de drogas do Complexo da Coruja, em São Gonçalo, alugava armamento para que criminosos realizassem assaltos em Niterói.

Depois do assassinato, os policiais conseguiram apreender um menor de 15 anos, que seria um dos suspeitos do crime, durante incursão ao Complexo da Coruja.

Fonte: Site do Jornal O FLUMINENSE

One comment

  1. Venho Parabenizar a grande obra que vem sendo realizada pelos senhores Renan Lacerda e Leonardo Saad á frente da CSRO, Parabéns e boa sorte nesta grande empreitada!!!

    Alexandre Miranda

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *